Página Inicial Três Lagoas - MS, 19 de Abril de 2014
Tragédia em Família
Três Lagoas: Colisão parte veículo ao meio e mata oficial e familiares
Por Pollyanna Eloy

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player


Motorista seguia de Três Lagoas/Campo Grande, quando aconteceu o acidente
Foto:Diego Marcelino/Minutoms

Três pessoas morreram e apenas uma sobreviveu a um acidente automobilístico registrado neste sábado (4), na BR-262, envolvendo um carro e um ônibus.

De acordo com o boletim de ocorrência, as vítimas, todas da mesma família, estavam em uma Parati, placas CBD-1745, de Brasília (DF).  

Morreram no local, o oficial da marinha Jorge Ivando da Silva, de 52 anos, a esposa, Zilda Correa da Silva, de 54 e uma das filhas, identificada como Érica Helen da Silva, de 25 anos.

A única sobrevivente da tragédia, Jéssica Ohana da Silva, de 20 anos recebeu os primeiros socorros de um médico que passava pela rodovia na hora do acidente e por populares até a chegada da ambulância da cidade de Ribas do Rio Pardo (MS).

Ela sofreu fratura expostas nas pernas, no baço, rins e foi encaminhada ao Hospital de Campo Grande em estado grave, mas segundo informações preliminares, não corre risco de morte.  

ACIDENTE VIOLENTO

De acordo com o boletim de ocorrência, o acidente aconteceu na altura do Km 205 da BR-262. O oficial que conduzia a Parati trafegava no sentido Três Lagoas/Campo Grande, quando perdeu o controle do carro, colidindo violentamente de frente em um ônibus interestadual, que seguia sentido Campo Grande/Três Lagoas.

Com o impacto da colisão, o veículo de passeio partiu-se ao meio, ficando totalmente destruído e provocando a morte do condutor e passageiros.  

No ônibus, havia cerca de 15 passageiros que não sofreram ferimentos e foram encaminhados ao Posto de Gasolina Mutum, onde aguardaram outro coletivo para seguirem com a viagem.

PISTA INTERDITADA

A pista ficou parcialmente interditada, até a retirada dos corpos e dos destroços do carro. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) esteve no local, para registrar o boletim de ocorrência, além de controlar o tráfego de veículos.

EDIÇÃO

A pedido de membros da família, as fotos da matéria foram retiradas no dia 13 de fevereiro de 2012 às 16h.


Página Inicial Minuto MS Notícias | Três Lagoas/MS